Pane em sistema da imigração provoca filas em aeroportos nos EUA

NOVA YORK – Um problema no sistema de controle de entrada de pessoas vindas do exterior da Agência de Proteção Alfandegária e Fronteira dos Estados Unidos (CBP) provocou longas filas nos aeroportos internacionais do país na sexta-feira, 16.

“A CBP está experimentando uma queda temporária no seu sistema de processamento em vários aeroportos. Estamos tomando ações imediatas para lidar com essa interrupção tecnológica”, disse o órgão no Twitter.

Os funcionários da CBP foram orientados a utilizar procedimentos alternativos para autorizar a entrada de americanos, turistas e imigrantes até que o sistema volte a funcionar. O órgão garantiu que o nível de segurança estava mantido.

O problema afetou alguns dos principais aeroportos do país, como o JFK, de Nova York, e o Aeroporto Internacional de Los Angeles, na Califórnia, que pediu que os passageiros verificassem com as companhias aéreas sobre a possibilidade de atrasos devido à demora para permitir a entrada das pessoas no país.

Mais cedo, a administração do JFK usou o Twitter para falar da situação.

“Seu tempo é importante e sabemos que uma longa espera na alfândega é frustrante, especialmente em alta temporada. Pedimos paciência e compreensão enquanto trabalhamos com a CBP de Nova York para achar formas de minimizar o problema”, disse a direção do aeroporto.

A imprensa americana destacou que o sistema para americanos que fizeram viagens ao exterior e estavam retornando ao país também estava fora do ar.

A CBP é o órgão responsável pela segurança nos pontos de entrada nos EUA. Entre as responsabilidades da agência estão o combate ao terrorismo e a aplicação das leis de imigração do país.

(Efe)