Democrata Beto O’Rourke entra na disputa das primárias democratas de 2020

Beto O’Rourke em imagem de arquivo

HOUSTON – O ex-candidato democrata ao Senado dos Estados Unidos pelo Texas, Beto O’Rourke, anunciou sua participação nas primárias das eleições presidenciais de 2020 após meses de especulação.

O’Rourke, de 46 anos, gerou um grande interesse dentro e fora dos Estados Unidos nas eleições legislativas de novembro ao tentar arrebatar do republicano Ted Cruz sua cadeira no Senado pelo Texas.

Ao lado de sua esposa em um vídeo de campanha, o democrata afirmou que sua candidatura e as eleições de 2020 são momentos decisivos para “este país e para cada um de nós”.

Ele disse ainda que os desafios na economia, democracia e mudança climática no país “nunca foram tão grandes”. “Eles nos consumirão ou nos darão a maior oportunidade de libertar a genialidade dos Estados Unidos da América”, completou.

Embora tenha sido derrotado, a pequena distância entre ambos (50,9% a 48,3%) e a enorme popularidade que alcançou na campanha, puseram O’Rourke imediatamente entre os favoritos a disputar a indicação do Partido Democrata para a disputa presidencial.

O’Rourke, de fato, era cogitado como presidenciável desde antes das eleições ao Senado, embora durante a campanha tenha negado que fosse concorrer.

Desde então, o democrata saiu do Texas e visitou várias cidades do país para afinar sua candidatura e neste final de semana deve viajar para o decisivo estado do Iowa, que sempre é o primeiro a realizar suas primárias.

Nas pesquisas sobre as eleições primárias, O’Rourke aparece em sexto lugar com 5,3% das intenções de voto, segundo o site RealClear Politiques.

Estas pesquisas são lideradas pelo ex-vice-presidente Joe Biden (que ainda não anunciou se concorrerá) com 29% das intenções de voto, seguido dos senadores Bernie Sanders (22%), Kamala Harris (11,3%), Elizabeth Warren (7%) e Cory Booker (5,8%).

Além de Sanders, Harris, Warren e Booker também anunciaram sua participação nas primárias as também senadoras Kirsten Gillibrand e Amy Klobuchar e o ex-secretário de Habitação e ex-prefeito de San Antonio (Texas), Julián Castro.