Crianças do EI não são terroristas, diz Unicef

NAÇÕES UNIDAS – O diretor do Fundo das Nações Unidas para Infância (Unicef) para o Oriente Médio e Norte da África, Geert Cappelaere, afirmou nesta segunda-feira que as crianças recrutadas por grupos extremistas ou que viveram em um regime jihadista “não são terroristas”.

“As crianças que foram recrutadas pelas forças extremistas ou viveram sob seus regimes não são terroristas”, disse Cappelaere à margem do ato de apresentação de um álbum de canções infantis.