Ator Peter Fonda morre aos 79 anos

Peter Fonda era de uma das famílias mais tradicionais de Hollywood

LOS ANGELES – O ator Peter Fonda, conhecido pelo filme “Sem Destino”, de 1969, filho do também ator Henry Fonda e irmão da atriz Jane Fonda, morreu aos 79 anos de idade após sofrer uma falência respiratória causada por um câncer nos pulmões, informou a família em um comunicado.

“É com grande tristeza que trazemos a notícia de que Peter Fonda faleceu”, disse a família.

Nascido em Nova York em 23 de fevereiro de 1940, fez sua estreia na Broadway em 1961. Dois anos depois, o ator entrou no mundo do cinema com Tammy and the Doctor, antes de interpretar um papel em The Victors.

Mais tarde, em 1966, estrelou Wild Angels ao lado de Nancy Sinatra e Bruce Dern. Seu papel principal veio em 1969, quando interpretou Wyatt em Easy Rider. Pelo trabalho, Peter Fonda foi indicado ao Oscar de melhor roteiro original. O filme é uma das obras que representam a contracultura americana dos anos 1960.

Fonda e Dennis Hopper em cena do filme “Easy Rider”, de 1969. Fonda e Dennis Hopper em cena do filme “Easy Rider”, de 1969. (IMDB/Divulgação)

Vida pessoal

Em 1961, Peter Fonda se casou com Susan Brewer e eles tiveram dois filhos: a atriz Bridget Fonda e Justin Fonda. Se divorciaram em 1972, e três anos depois, Peter se casou com Portia Crockett, de quem se separou em 2011.

Em junho do mesmo ano, ele se casou com Margaret DeVogelaere.

O ator, ambientalista de carteirinha, causou espanto no Festival de Cannes de 2011 ao xingar o então presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, de traidor por causa da maneira como os Estados Unidos lidaram com as conseqüências do vazemento de petróleo no Golfo do México, no ano anterior. Ele havia coproduzido o documentário The Big Fix, de Rebecca e Josh Tickell, que conta a história da explosão da plataforma de extração da BP no Golfo do México, que provocou a maior catástrofe ambiental da história dos Estados Unidos.

Com agências