Argentina anuncia nova rodada de controles cambiais em meio a crise econômica

BUENOS AIRES – O banco central da Argentina anunciou na quarta-feira, 11, novas medidas de controle cambial, num esforço para domar a especulação e impedir uma espiral de crise de dívida na terceira maior economia da América Latina.

A nova medida exige que qualquer pessoa que compre moeda estrangeira se comprometa a esperar pelo menos cinco dias antes de utilizá-la na compra de títulos.

Pelas regras anteriores, um comprador poderia usar a moeda estrangeira para comprar um título e vendê-lo imediatamente a uma taxa de câmbio mais favorável, gerando um lucro rápido de 5% a 7%, disseram operadores.

O governo da Argentina autorizou controles cambiais no início deste mês, uma reviravolta do presidente Mauricio Macri, que antes havia abandonado muitas práticas protecionistas de sua antecessora Cristina Kirchner.